Projeto Ererré aproxima alunos da cultura indígena

               Os alunos do 6º ano do Colégio Franciscano Imaculada Conceição estão envolvidos em um projeto multidisciplinar que visa ampliar e aprimorar os conhecimentos adquiridos, em sala de aula, sobre a cultura indígena. Trata-se do Projeto Ererré, realizado com o apoio e participação ativa da escritora indígena, Shirley Krenak, da tribo Krenak, em Minas Gerais. Além de oficinas com trabalhos  indígenas, que possibilitam aos  alunos aprenderem sobre a confecção de flautas e cocares, também, está programada uma visita a diversas tribos.
 
 
Segundo o gestor pedagógico do CFIC, Fernando Melo, estar em campo é fundamental para aliar teoria à prática. “Exploramos várias temáticas da cultura indígena para que os alunos possam adotar posturas abertas diante da diversidade das culturas e sociedades, sem fazer exclusões. A presença de Shirley Krenak, ao longo do projeto, é fundamental, uma vez que, orientados pela professora, Ivy Denadai, os estudantes percorrerão a história dos povos indígenas, tendo como referência a história da tribo Krenak. Natureza, cantos, religiosidade, conflitos e tudo o que engloba essa cultura tão presente em nosso país foram expostos aos alunos, que receberam muito bem e, dessa forma,  assimilam ainda mais o conteúdo”, disse o coordenador.

Shirley Krenak
                                                                                         
Para a escritora indígena da tribo Krenak, Shirley Krenak, a preocupação da escola em ampliar os conhecimentos dos alunos acerca da cultura indígena ressoa de maneira emocionante. “É muito bom poder estar nas escolas ensinando sobre meu povo e o Colégio Imaculada abraçou a ideia de maneira especial. O Projeto Ererré é uma espécie de filhote do projeto ‘Somos todos BORUM’, cujo  significado é que somos todos iguais. Ererré é  uma saudação, desejando o bem. Cada escola que acolhe o projeto ganha um nome diferente. Fico feliz em perceber que crianças e adolescentes se interessam pela cultura indígena”, concluiu.

Compartilhe:

Postar um comentário

 
Copyright © Colégio Franciscano Imaculada Conceição. Designed by OddThemes